Como ter incenso e lucky eggs infinitos no Pokémon Go

Confira no artigo de hoje como ter incenso e lucky eggs por tempo indeterminado no Pokémon Go.

Como todos vocês já sabem, o Pokémon Go virou uma febre no mundo todo! Sim, literalmente uma febre, devido ao fato de pessoas de todas as idades, desde os mais novos até os mais velhos estarem jogando Pokémon Go. E com isso, essas pessoas acabam descobrindo alguns hacks no jogo, ou seja, alguma falha no jogo.

Para quem ainda não sabe, os incensos servem para atrair os Pokémons para perto dos jogadores. Já os lucky eggs são muito úteis, pois tem a função de recompensar o jogador com o dobro de experiência quando se captura um Pokémon em um determinado tempo.

Como vocês devem imaginar, se usarmos um incenso e um lucky egg, o jogador irá fazer uma ótima quanti de experiência em um curto período de tempo, correto? Sim!

Agora você já imaginou ter incensos e lucky eggs infinitos no Pokémon Go? veja abaixo como!

Como ter Incenso e Lucky Eggs infinitos no Pokémon Go

Antes de tudo, tenha certeza que o aplicativo esteja funcionando corretamente, bem como se você tem um lucky egg e um incenso disponível.

1º Passo
Use um incenso e um lucky egg

lucky egg e incenso

Lucky Egg e Incense

2º Passo
Saia do Pokémon Go sem fechar o aplicativo e vá até as configurações de hora do seu smartphone. Desative a data automática e em seguida atrase manualmente o relógio manualmente pará menos de 30 minutos. Ex: Se agora for 15:45, coloque a hora como 15:22.

Altera a hora do seu smartphone ou tablet

Altera a hora do seu smartphone ou tablet

3º Passo
Volte ao Pokémon Go e veja que as durações do incenso e do lucky egg aumentaram na mesma medida do atraso do relógio, ou seja, – de 30 minutos, chegando próximo a uma hora de duração, tanto do incenso como do lucky egg.

antes e depois da mudança de horário

Veja como ficou depois da mudança do horário. Antes e depois.

Repita o processo sempre que seu lucky egg ou incenso estiverem acabando para manter os dois itens ativos infinitamente.

Tags:

4 Comentários

  1. Evair
  2. Karine
  3. Junior Silva
  4. Gera

Responder